SES capacita 100 profissionais da educação de Glória sobre IST/HIV/AIDS

Na próxima quinta-feira, 9, durante todo o dia, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) e a Secretaria de Estado da Educação (SEED) em parceria com as Secretarias Municipais da Saúde e da Educação realizarão, no município de Nossa Senhora da Glória, a formação com os profissionais das unidades de ensino na prevenção às IST/HIV/AIDS. Serão capacitados 101 profissionais, entre professores das escolas selecionadas, coordenadores de município e o coordenador da região.

O evento acontecerá no Campus Nossa Senhora da Glória da Universidade Federal de Sergipe (UFS), das 8 às 17 h, contará com a participação de oito municípios, Nossa Senhora da Glória, Canindé do São Francisco, Feira Nova, Poço Redondo, Monte Alegre, Gararu, e Graccho Cardoso e 22 escolas. Os temas discutidos serão sexualidade, gravidez na adolescência, as infecções sexualmente transmissíveis (IST) e as vulnerabilidades dos adolescentes. Todas as IST serão abordadas. Haverá dinâmica e trabalhos em grupo com os profissionais.

“Neste evento, o primeiro do ano, vamos orientar os professores e estimular os profissionais para que façam ações em seus municípios. No final eles irão elaborar um plano para cada escola, de cada município. Esperamos, como resultado positivo, que as escolas retomem o trabalho de prevenção às IST/HIV/AIDS, que realizem não apenas uma palestra uma vez no ano, mas que sejam ações continuadas”, comenta o gerente do programa DST/AIDS da Secretaria de Estado da Saúde (SES),  Almir Santana.

“Essa capacitação terá uma característica diferente. Convidamos um representante de cada Unidade Básica de Saúde (UBS) da região da escola, para que haja integração da Unidade Básica com a escola. É uma nova experiência e o objetivo é integrar a escola com a saúde. Contamos com o apoio especial da Secretaria Municipal da Saúde de Glória que está sediando o evento colaborando com toda a logística, alimentação, local e pedimos o apoio dos secretários da Saúde e da Educação dos municípios para a liberação dos seus profissionais. Depois desse vamos elaborar um projeto para outra região”, concluiu Dr. Almir

Publicado: 8 de agosto de 2018, 10:41 | Atualizado: 8 de agosto de 2018, 10:41