Secretaria da Saúde intensifica ações voltadas a pacientes ortopédicos

Somente neste final de semana, mais de 30 pacientes que aguardavam algum tipo de procedimento cirúrgico já foram beneficiados

Com o compromisso de ampliar a assistência voltada à ortopedia, assim como minimizar o tempo de espera de pacientes que aguardavam algum tipo de procedimento cirúrgico, a Secretaria de Estado da Saúde (SES) iniciou o plano de ação para otimizar as intervenções cirúrgicas do Hospital de Urgências de Sergipe Governador João Alves Filho (Huse). Somente neste final de semana, mais de 30 pacientes que aguardavam algum tipo de procedimento cirúrgico já foram beneficiados.

Inicialmente, as ações efetivas envolvem transferências para a realização da cirurgia em unidades contratualizadas, como o Hospital Cirurgia, além das cirurgias realizadas no Huse, com a ampliação do número de procedimentos e equipe ortopédica. Para intensificar a transferência dos pacientes, o Hospital de Urgências contou com o suporte de ambulâncias cedidas pela Polícia Militar de Sergipe.

De acordo com o secretário de Estado da Saúde, Walter Pinheiro, a expectativa é operar, no decorrer da semana, mais de 50 pacientes. “Traumas e acidentes automobilísticos são os que mais demandam por leitos de internação, pois são casos de maior gravidade e complexidade. Por isso, neste momento estamos em uma força-tarefa com ações efetivas que irão perdurar por toda semana para fazer o melhor gerenciamento desses pacientes dentro do Huse”, destacou o secretário. 
  
Outras estratégias também poderão integrar o Plano de Ação, como a realização de cirurgias no Hospital Amparo de Maria, que seguirá na assistência voltada a pacientes ortopédicos, e o Hospital da Polícia Militar, com a ampliação da linha de cuidado na unidade hospitalar.  

Pacientes atendidos

Entre os pacientes transferidos está o jovem de 21 anos Matheus Cunha, do município de São Domingos, que foi encaminhado para o Hospital Cirurgia. Ele sofreu um acidente de motocicleta e fraturou o pé, constando a necessidade de intervenção cirúrgica. “Estou muito aliviado em saber que vou ser operado e conseguir retornar à minha vida normal depois disso, para que possa retomar as minhas atividades normais do dia a dia com muita saúde”, relatou o jovem. 

O autônomo Diogo Lima, de 29 anos, também realizou a sua cirurgia após sofrer um acidente automobilístico. Ele destacou a importância do seu atendimento e a eficiência do seu procedimento cirúrgico. “Estou muito feliz por ter conseguido fazer a minha cirurgia que tanto necessitava para recuperar a minha saúde o mais rápido possível. Agora, a minha expectativa é retornar para casa e voltar a trabalhar”, disse Diogo. 

Quem compartilha do mesmo sentimento de alívio e esperança para retornar às suas atividades é Clévis Menezes, de 41 anos, que também sofreu um acidente de moto e foi internado no Huse. Ele contou que foi encaminhado para o Hospital Cirurgia para a intervenção cirúrgica. “A cirurgia foi um sucesso, onde a equipe foi muito atenciosa e acolhedora. Fiz o primeiro procedimento no Huse devido a uma fratura exposta e a segunda definitiva foi no HC. Então, agradeço imensamente por toda assistência, e agora é concentrar minhas forças para uma recuperação mais breve possível”, ressaltou.

Fotos: Mário Sousa

Publicado: 21 de abril de 2024, 11:27 | Atualizado: 21 de abril de 2024, 11:29