Maternidade Nossa Senhora de Lourdes promove momento interativo com pacientes por meio da arte gestacional

A iniciativa ajuda a promover uma conexão entre a mãe e o bebê, além de proporcionar momentos de alegria e conforto no ambiente hospitalar

Uma vez por mês, a Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL) realiza a ação da arte gestacional para as pacientes internadas na Ala Rosa da unidade, com o intuito de promover um momento lúdico e relaxante. A arte gestacional é uma forma de expressão artística que celebra a gravidez, destacando a beleza e a singularidade do período na vida da mulher. 

Na MNSL existe um setor onde as mulheres grávidas ficam internadas, às vezes por um longo período, para acompanhamento da gestação de alto risco. Trata-se da Ala Rosa. Como uma forma de promover um momento interativo para essas pacientes da Ala Rosa, a enfermeira obstetra Cassiane Mota Souza, sugeriu a ação da arte gestacional, também chamada de ‘ultrassom natural’. ” É um momento em que se cria um vínculo entre a gestante e o bebê. Pedimos para elas imaginarem como estão os bebês dentro da  barriga e isso traz um momento de bem-estar”, explicou. 

 Segundo o residente em enfermagem obstétrica, Wesley Matheus dos Santos Gonçalves, por meio da ação é possível proporcionar mais conforto às gestantes internadas por longos períodos. “ Nós utilizamos esse momento para fazer com que elas se sintam melhor em um ambiente que não é sua casa. Escolhemos mulheres que estão há mais tempo internadas, muitas vezes um, dois ou três meses. É uma forma de acalentar e trazer essas gestantes mais próximas da equipe,” comentou Wesley.

A prática da arte gestacional é realizada pelos residentes em enfermagem obstétrica que utilizam materiais hipoalergênicos, considerados seguros para a pintura corporal.

Impacto emocional 

 A arte gestacional proporciona um impacto emocional significativo como foi o caso de Francilane da Conceição Santos, uma das gestantes que participaram da ação. “Fiquei emocionada, pedi uma mandala, escolhi as cores e ver o desenho feito me deixou feliz, sabendo exatamente a posição que meu bebê está. Me senti empoderada e linda com esse ultrassom natural. Acabei ganhando também um ensaio fotográfico”, contou Francilane.

Para a superintendente da MNSL, Lourivânia Prado, a dedicação dos profissionais da maternidade mostra que, com empatia e criatividade, é possível transformar a experiência da gravidez em uma verdadeira obra de arte. “Essa iniciativa ajuda a promover uma conexão mais profunda entre a mãe e o bebê, além de proporcionar momentos de alegria e conforto em um ambiente hospitalar”, concluiu.

Fotos: Ascom SES

Publicado: 17 de junho de 2024, 16:28 | Atualizado: 17 de junho de 2024, 16:28