Hemose: voluntários recebem homenagem pelo Dia Nacional do Doador de Sangue

 

Por Rosângela Cruz

Nivaldo França da Gama, 38 anos, servidor público doa sangue há 11 anos. Ele relata que passou a repetir o gesto após o pedido de um amigo que necessitou do sangue como procedimento terapêutico para uma cirurgia. ”Duas vezes ao ano venho ajudar. Meu pensamento é que estou bem, mas tem pessoas do outro lado que precisam, por isso, que doar é importante”, declara o doador fidelizado.

Para valorizar o gesto solidário de doadores como Nivaldo França, o 25 de novembro foi instituído como Dia Nacional do Doador de Sangue. O Centro de Hemoterapia de Sergipe (Hemose) celebrou a data, nesta sexta-feira, com a participação de voluntários e colaboradores da unidade. 

”Essa é uma data muito simbólica para todos que ajudam a salvar vidas e levar esperança para os pacientes que utilizam o sangue em seus tratamentos”, ressalta a superintendente da unidade, Maria Rossana Cahino Pereira.

Johnny Vieira França conta que é doador há três anos e que conheceu o serviço através de uma campanha da Igreja Presbiteriana. “”Quando cheguei ao Hemose passei a entender como é importante a doação de sangue. Ajudamos a salvar vidas”, salienta.  

Já o funcionário público Anselmo Menezes Santana participa de grupos de doadores em Lagarto. ”Comecei a doar por causa do diagnóstico de uma leucemia de minha esposa. Fiz da necessidade familiar uma pratica regular a cada três meses”, pontua.

Durante a manhã, os doadores receberam orientações e muitas homenagens com mensagens de agradecimento pela colaboração com o serviço que atende a demanda transfusional da rede hospitalar pública e conveniada em Sergipe. 

”Todos estão de parabéns pelo ato, pelo compromisso em ajudar as pessoas que necessitam. Hoje é o dia do doador, é o dia de todos que estão aqui, renovando esse gesto de amor e compromisso com o próximo”, destaca Rozeli Dantas, gerente de Captação de Doadores do Hemocentro de Sergipe.

Representando a Associação Gloriense de Doadores de Sangue, David Sales disse que os associados fazem questão de participar das mobilizações para levar solidariedade a todos àqueles que necessitam. ”O povo do sertão é solidário por natureza e quando falamos em reunir o grupo para doar, todos esquecem os problemas e reservam esse tempinho para prestar solidariedade”, salienta o doador.

Parceria

Este ano, a festa para homenagear os doadores de sangue também contou com o apoio do Serviço Social do Transporte (SEST) e o Serviço Nacional de Aprendizagem do Transporte (SENAT). De acordo com a coordenadora de Promoção Social, Luciana Melo, a instituição promove diversas ações de responsabilidade social que são destinadas ao trabalhador do transporte e a comunidade de forma geral. 

“”Estamos participando do Dia do Doador com o Hemose para contribuir com a divulgação do serviço através de informativos educativos que incentivam a doação de sangue. Também doamos algumas camisas para presentear os doadores e a distribuição de camisas”, conclui.

 

Publicado: 25 de novembro de 2016, 19:17 | Atualizado: 25 de novembro de 2016, 19:17