Fundação Estadual da Saúde inicia programas de pós-graduação para servidores

Serão duas turmas com cerca de 100 alunos e duração de até 18 meses

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) por meio da Fundação Estadual da Saúde (Funesa) e da Escola de Saúde Pública do Estado de Sergipe (ESP/SE) deu início às aulas inaugurais de duas turmas de pós-graduação Lato Sensu, Especialização em Gestão Hospitalar e Especialização em Vigilância e Emergência em Saúde Pública, com um período de duração de 18 meses. Esses programas visam capacitar os servidores da Rede Estadual de Saúde que atuam no Sistema Único de Saúde (SUS) em Sergipe.

O objetivo da especialização em Gestão Hospitalar é oferecer qualificação aos profissionais do SUS em planejamento e organização dos serviços de saúde, além de desenvolver competências e habilidades gerenciais nos diferentes setores da administração hospitalar, alinhadas aos princípios e diretrizes do sistema de saúde.

Por sua vez, a especialização em Vigilância e Emergência em Saúde Pública tem como meta aprimorar os conhecimentos, habilidades e competências dos profissionais de saúde pública em Sergipe, especialmente nas áreas de vigilância em saúde e no enfrentamento de situações epidemiológicas, fortalecendo assim o centro de informações estratégicas em vigilância em saúde.

O secretário de Estado da Saúde, Walter Pinheiro, enfatizou a importância desses profissionais qualificados para o SUS, destacando que eles são essenciais para a gestão em saúde, tanto hospitalar quanto em outras modalidades, visando a melhoria da qualidade dos serviços de saúde pública. “Nós precisamos tanto dessa força de trabalho, dessas pessoas que estão dispostas a fazer gestão em saúde, no âmbito hospitalar ou nas suas diversas modalidades, trabalhar com as pessoas, buscar encontrar as oportunidades de trazer um grupo coeso, motivado e que agregue na qualidade do serviço, principalmente da saúde pública, isso de fato é enriquecedor”, explicou. 

Carla Fontes, diretora geral da Funesa, expressou sua satisfação ao receber os 100 alunos das duas turmas da pós-graduação, ressaltando o grande interesse pelos cursos e a gratificação em ver mais profissionais do SUS interessados em se especializar e agregar conhecimento à saúde pública. “Com muita satisfação que nós estamos participando dessa aula de inauguração. Tivemos várias inscrições e muitas pessoas interessadas nos cursos. Não é só mais uma, é uma pós-graduação que todos queriam fazer e, é muito gratificante ver o interesse pelas especializações e, principalmente, por ter mais trabalhadores do SUS interessados nessas aulas, que ao final sairão capacitados e com uma vasta bagagem de conhecimentos em saúde pública”, comentou. 

Adquirindo conhecimentos

Os alunos das duas turmas das especializações demonstraram entusiasmo diante da oportunidade de participar de uma pós-graduação oferecida pela ESP, visando ampliar seus conhecimentos e habilidades e, reconheceram a relevância da pós-graduação para o aprimoramento dos serviços de saúde em suas áreas de atuação.

Entre os alunos, Maiza Dayane, biomédica e aluna da especialização em Vigilância e Emergência em Saúde Pública, comemorou o início do curso que tanto esperava, destacando a importância de obter certificação na área em que já atua, como um estímulo para aprimorar seu trabalho diário. “Ter uma certificação de algo que a gente pratica no dia a dia e que a gente gosta de fazer, nos impulsiona a sempre querer mais, trabalhar mais motivado. Estou feliz em poder conhecer novos horizontes e me aperfeiçoar no que o curso pode me proporcionar”, revelou. 

Aline Barreto Gonzaga, aluna do curso de Gestão Hospitalar, ressaltou a importância de buscar constantemente o aperfeiçoamento e a capacitação, visando não apenas o benefício pessoal, mas também a melhoria do atendimento aos usuários do SUS. “Todo servidor deveria aproveitar essa oportunidade de cursar uma pós graduação ofertada pela ESP. Quando buscamos melhorar no dia a dia, aprendermos mais, isso reflete no usuário que está lá ponta. Com isso, precisamos sempre buscar aproveitar as oportunidades, nos capacitando, buscando sempre ter mais empatia em nosso local de trabalho”, pontuou. 

Com essas iniciativas de educação continuada, a SES, a Funesa e a ESP/SE reafirmam o compromisso com a qualificação dos profissionais de saúde em Sergipe, buscando sempre elevar o padrão de excelência nos serviços prestados à população.

Fotos: Valter Sobrinho

Publicado: 3 de abril de 2024, 18:55 | Atualizado: 3 de abril de 2024, 18:56