Cartório da Maternidade Nossa Senhora de Lourdes assegura direito à cidadania aos  sergipaninhos

 

Por Júnior Matos

 

Desde 2011, a Maternidade Nossa Senhora de Lourdes (MNSL) garante o direito dos sergipaninhos a ter a Certidão de Nascimento, através do serviço de cartório. O setor trabalha de forma integrada ao Tribunal de Justiça de Sergipe (TJ/SE) e está localizado no corredor principal da unidade hospitalar. Os trâmites são rápidos, seguros e eficientes.

 

De janeiro a outubro deste ano, foram emitidas 1.175 Certidões de Nascimento na unidade. “Para que o registro seja feito na MNSL, os pais podem se dirigir ao cartório da unidade até o 15º dia de vida do bebê”, destaca a referência técnica do serviço social da MNSL, Fátima Andrade.

 

Entre os documentos exigidos para a emissão da Certidão: a Declaração de Nascido Vivo (DNV), além dos documentos de identificação dos pais como RG, CPF e/ou Certidão de Casamento. “O Cartório da MNSL trabalha com cadastro unificado interligado ao 13º e 15º Ofícios cujo sistema é on-line. Todo processo não dura mais que 20 minutos”, complementa Fátima Andrade.

 

A pequena Izabelle é a mais nova sergipaninha. A mamãe dela, Adrelina Fonseca, fala sobre a facilidade de ter o serviço de cartório dentro da maternidade. “Fiquei muito feliz em saber que minha filha já é oficialmente uma cidadã. Ter um serviço disponível aqui nos poupa tempo, já que não precisarei me deslocar para outros locais. Gostei muito. É rápido e seguro”, falou.

 

A equipe funcional do Cartório da MNSL é composta por servidores da própria instituição. “Os profissionais são capacitados pelo Tribunal de Justiça. Os constantes treinamentos ampliam a oferta e fortalecem ainda mais o serviço”, concluiu Fátima Andrade.

 

Publicado: 23 de novembro de 2016, 15:07 | Atualizado: 23 de novembro de 2016, 15:07