Ambulatório de Retorno faz tratamento conservador da ortopedia e ganha reforço da neurologia

13 de junho de 2018

Na ortopedia, o tratamento conservador é um processo não operatório ou fratura fechada, tratado com medicamento, fisioterapia, entre outros. O Ambulatório de Retorno, gerenciado pela Secretaria de Estado da Saúde (SES), atende os pacientes que passam pelo Hospital de Urgência de Sergipe (Huse) para atendimento de triagem e retorno, sejam eles cirúrgicos ou conservadores. Em média, são realizadas mensalmente cerca de 2 mil atendimentos mensais entre as oito especialidades disponibilizadas no local.

O tratamento conservador está incluso nos atendimentos da ortopedia. Para se ter uma ideia, no mês de maio foram realizados 450 atendimentos da ortopedia de mão, 31  da pediátrica, 1.005 da ortopedia geral, 196 da cirurgia geral, 97 da cirurgia vascular, 60 da cirurgia plástica, 68 da bucomaxilo e 28 da clínica médica.

A enfermeira do Ambulatório de Retorno, Josenice Resende, ressalta que o número de especialidades foi ampliado a partir desta quarta-feira, 13,com a inserção da neurologia, que atenderá pacientes de Acidente Vascular Cerebral (AVC) e da Neuro Clínica. “Isso só reforça ainda mais o nosso time de profissionais e a qualidade no atendimento”, enfatizou.

No tratamento conservador da ortopedia, o médico observa a lesão, coloca uma tala ou um gesso, vai acompanhando a evolução da fratura. São cinco profissionais ortopedistas que trabalham com esse tratamento no Ambulatório de Retorno, durante quatro dias na semana.

 




Secretaria de Estado da Saúde
Praça General Valadão, nº 32
Centro - Aracaju/SE
CEP: 49010-520
Tel. (79) 3234-9500